Para que eu posso usar a água de chuva?

Com certeza você já ouviu falar em aproveitamento de água da chuva em residências. Captar a água de chuva que escoa pelo telhado, armazená-la e utilizá-la para regar plantas, limpeza e descarga em vasos sanitários é uma prática comum. Mas você sabia que a água da chuva também é muito utilizada no comércio e na indústria, para diversas outras finalidades?

Usos residenciais

O uso mais conhecido da água de chuva é o uso residencial. Em residências ou condomínios residenciais, a água de chuva pode ser usada para diversas finalidades. É possível realizar o aproveitamento pela simples captação e armazenamento, e utilizar a água de chuva para finalidades externas, como limpeza e rega de jardim, ou ainda adaptar as tubulações de água existentes e utilizar a água de chuva para descargas de vasos sanitários. Caso a água de chuva receba um tratamento adequado, como por exemplo cloração, é ainda possível utilizá-la para finalidades que exigem potabilidade, como chuveiro, torneiras de lavatórios e cozinha.

Neste caso, temos os mais diversos exemplos já concebidos. Neste post falamos sobre os tipos de águas residenciais e, neste aqui, um pouco sobre certificações sustentáveis, que são exemplos práticos de uso de água de chuva em residências.

Usos comerciais

Em edifícios comerciais, a água da chuva também pode ser utilizada para finalidades semelhantes às residenciais, como descargas de vasos sanitários e limpeza. E, neste tipo de edificação, a utilização da água da chuva para suprir a demanda por água não potável pode representar uma grande economia, visto que a demanda não potável é alta. Por exemplo, em um edifício de escritórios, ou em uma instituição de ensino, a maior parte do consumo de água é devido a descargas de vasos sanitários. Caso se utilize água da chuva para esta finalidade, a economia seria muito significativa, podendo ser maior que metade do consumo da edificação. A mesma ideia se aplica a hotéis, por exemplo, que além de aplicar em descarga de vaso sanitário, podem utilizar a água de chuva na lavanderia.

Em edifícios comerciais que utilizam água não potável no seu processo de produção, a água da chuva também pode fazer a diferença. A exemplo de lava-rápidos, postos de gasolina e lavanderias, que podem utilizar água da chuva como fonte para lavar veículos, pátios e roupas, respectivamente, obtendo uma economia acima das expectativas.

Usos industriais

Além dos usos residenciais e comerciais, indústrias também podem utilizar água da chuva para economizar na fatura de água e ajudar o meio ambiente. Indústrias que utilizam água no seu processo produtivo podem obter grandes vantagens do sistema de aproveitamento. Cita-se como exemplo metalúrgicas, tintureiras e agroindústrias, para irrigação de plantios e hidratação de animais. Além disso, a água de chuva pode ser utilizada para funcionamento de sistemas de refrigeração (por exemplo, resfriamento dos chillers do ar-condicionado), ou ainda como reserva técnica de incêndio.

O infográfico a seguir ajuda a entender melhor como a substituição da água da concessionária por água da chuva funciona para as diferentes finalidades dentro de cada tipo de edificação. Os valores apresentados são valores médios obtidos junto a trabalhos científicos na área. Os valores variam de caso para caso, e dependem também da disponibilidade de chuva do local da edificação.

 

Ficou interessado? Quer saber mais? Entre em contato com a gente e faça a sua simulação!

Share

Cofundador e diretor técnico da RainMap Sistemas Sustentáveis. Mestre e Engenheiro Civil pela Universidade Federal de Santa Catarina, com ênfase na área de Aproveitamento de Águas Pluviais em Edificações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *